PROJETO

A ocupação dos espaços urbanos na cidade de Porto Velho não se diferenciou das demais da região norte, ou seja, a cidade surge ao longo das margens do rio. No processo de expansão desordenada, Igarapés Urbanos foram ocupados. Neste cenário, o ciclo hidrológico sofreu alterações significativas com a redução de áreas naturais e o aumento do número de episódios de enchentes e inundações que acarretam sérios problemas a infraestrutura urbana do município.

Nesse contexto, o SIPAM disponibiliza sua estrutura física com o parque de radares meteorológicos que possibilita o desenvolvimento de um sistema de alerta.

Atendendo ao Edital MCTI/CNPq/MCIDADES Nº 11/2012, que tinha como linha temática/subtema 1 – Aspectos de desenho, implementação e avaliação do Programa Minha Casa, Minha Vida (PMCMV), o Sistema de Proteção da Amazônia, submeteu e aprovou o projeto “Desenvolvimento de Metodologia para Alerta de Cheias e Inundações na área Urbana de Porto Velho (RO)”.

.

EQUIPE TÉCNICA

ALERTAS

Os dados apresentados são baseados em informações cadastradas pelos operadores do sistema, devendo observar a data e hora do alerta.

Ampliar Mapa
  • Link para Radar Meteorologia
  • Ampliar Mapa
  • Untitled Document

    Informação da Chuva

    Data: 2017-11-22

    Hora: 19:30:00

    Relato do Operador: Precipitação acumulada em 5h - MCTI/INPE/CPTEC - GRID HISTORY DO MODELO REGIONAL.

    Chuva: 5mm

    PARCEIROS

    Ao longo do desenvolvimento do projeto de alertas de inundações urbanas, o SIPAM contou com a parceria de outras instituições e projetos desenvolvidos pelo próprio SIPAM, porém em outros CR’s, a saber: Projeto SOS Amazônia, que disponibiliza em tempo real as chuvas detectadas pela rede de 11 radares meteorológicos do SIPAM e do projeto REMAM - REDE DE MONITORAMENTO E PESQUISA DE FENÔMENSO METEOROLÓGICOS EXTREMOS NA AMAZÔNIA. Abaixo, encontram relacionadas as instituições parceiras do Sistema de Alertas Urbanos e as atividades:

    - CNPq: Fomento por meio da Chamada MCTI/CNPq/MCIDADES N° 11/2012

    - Ministério das Cidades: Fomento por meio da Chamada MCTI/CNPq/MCIDADES N° 11/2012, além das diretrizes para priorização das bacias que contêm os empreendimentos do Projeto Minha Casa, Minha Vida;

    - Prefeitura de Porto Velho: aquisição e manutenção de rede de pluviógrafos localizados em escolas públicas da cidade de Porto Velho;

    - CPRM: levantamento das feições dos canais em campo, incluindo medidas das vazões dos Igarapés Urbanos em pontos selecionados pelo Projeto.